O que é a independência financeira?

No meu post anterior descrevi porque é que julgo que a vida se passa ao contrário e como me veio à cabeça este tema.  Com o tempo, descobri que tudo isto tem um nome. Afinal, o que é a independência financeira?

Independência financeira é o conceito de ter rendimento passivo suficiente para sustentar o teu nível de vida indefinidamente.

Este tópico pode ser dividido em dois grandes assuntos: rendimento passivo e nível de vida. Em futuros posts iremos discutir estes com todo o detalhe que merecem, mas para já vamos limitar-nos aos conceitos básicos.

Conceitos básicos

Vamos supor que no teu agregado familiar (mesmo que sejas só tu) as despesas anuais são 20.000€. Se conseguires ganhar 20.000€ através de rendimento passivo cada ano, parabéns, conseguiste alcançar a tua independência financeira! Nessa altura, poderás usar o teu tempo como desejares, e poderás focar-te em maximizar a tua felicidade em vez de te preocupares em maximizar o teu dinheiro. Isso pode ser através de voluntariado, viajar pelo Mundo, passar mais tempo com os filhos, trabalhar no teu emprego de sonho ou tornar os teus passatempos num trabalho a tempo inteiro.

Há muitas maneiras de fazer dinheiro passivamente, mas a mais simples é investindo o dinheiro que já amealhaste. Com certeza sabes o que é o mercado financeiro e também o que é investimento imobiliário. Estas são provavelmente as duas maneiras mais comuns de investir dinheiro e ver um retorno consistente.

Hipóteses de investimento

A grande maioria dos blogues e outros recursos acerca da independência financeira são focados na obtenção de rendimento passivo através do mercado financeiro. Investir neste mercado é muito mais comum nos Estados Unidos do que na Europa (e ainda menos comum em Portugal). As fontes de informação apontam para o mercado financeiro visto que o retorno médio anual tem sido, historicamente, à volta dos 10% brutos por ano. Por coincidência, um estudo que eu li no último ano mostra que o investimento imobiliário é, em média, competitivo com o mercado financeiro. Pode até ser melhor, dependendo de fatores como a localização. Alguns dirão que o investimento imobiliário dá bastante trabalho e portanto não é um tipo de rendimento passivo. Eu tenho tendência para concordar. De qualquer modo vou deixar essa discussão para futuros posts.

Assim sendo, se escolhermos o caminho mais comum para a independência financeira, teremos que amealhar o suficiente para ter um retorno anual consistente. No exemplo acima isto era 20.000€.
Considerando que investimos dinheiro no mercado financeiro, para podermos usá-lo para pagar as despesas anuais teremos que vender uma certa percentagem do nosso investimento a cada ano. Isto é a definição de Safe Withdrawal Rate (SWR). Inclui a palavra “safe” (seguro) porque precisa ser pequena o suficiente para que o portfolio de investimentos continue a crescer a longo termo, tendo em conta a inflação e as flutuações do mercado.

Não sendo o propósito deste post, a SWR entre 3% e 4% é normalmente considerada aceitável, tendo como base os retornos históricos e o estudo Trinity.
No caso do investimento imobiliário em Portugal, obter um retorno de 5% do valor da propriedade em rendas anuais é considerado aceitável. Acredito que muitos outros países poderão ter retornos semelhantes. Isto é antes de impostos, manutenção e outras despesas, o que trará facilmente este número para os 3%.

Um exemplo

Se quiseres ter uma rápida ideia de quanto precisas de investir, basta dividires as tuas despesas anuais pelo retorno dos teus investimentos. Considerando o exemplo anterior, para cobrir despesas anuais de 20.000€, com um retorno dos investimentos de 4% precisaríamos de:

20.000 / 0.04 = 500.000€

Se leste o meu post anterior talvez te lembres que está é a quantia que eu estimei ser necessária ainda antes de saber que haviam outras pessoas a trabalhar para o mesmo objetivo.

Agora, está à vontade para substituir estes valores pelos teus… Espero que te apercebas que tudo isto é possível, sem ter que ganhar o Euromilhões!

João

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *